VENCENDO AS PERSEGUIÇÕES DA VIDA

Vencendo as Perseguições...






Gloriamo-nos também das tribulações, sabendo que a tribulação produz a paciência, a paciência a firmeza, e a firmeza a esperança” (Romanos 5:3-4)

Os apóstolos de Jesus Cristo, ainda sob o vivo entusiasmo da experiência transformadora do Pentecostes, em que receberam o batismo com o Espírito Santo, pregavam com entusiasmo o Evangelho em todas as vielas e praças de Jerusalém. Como costuma acontecer com quem traz uma mensagem nova, logo foram vistos como ameaças pelos fariseus, os quais providenciaram para que fossem presos. Não puderam mantê-los na cadeia por muito tempo sem uma acusação formal que se sustentasse, mas antes de soltar Pedro e João, trataram de aplicar-lhes uma bela surra, como um ‘corretivo’. A idéia é que funcionasse mais como uma espécie de aviso a outros que tentassem fazer o mesmo, mas a narrativa de Atos dos Apóstolos logo deixa claro que não deu certo: “Retiraram-se pois da presença do sinédrio, regozijando-se de terem sido julgados dignos de sofrer afronta pelo nome de Jesus (Atos 5:41)”.


Eram os apóstolos masoquistas? Tinham baixa auto-estima a ponto de se sentirem satisfeitos por sofrer afrontas e açoites? Aos olhos de nossa natureza humana, nada pode ser mais indesejável do que sofrer qualquer espécie de afronta, seja ela física ou psicológica. A violência é o principal instrumento de dominação dos poderosos e ditadores ao longo dos séculos, mas nunca deixaram de surgir heróis da Fé. Hoje, eles continuam surgindo no horizonte religioso. Pessoas que não negociam seu ministério por valores financeiros, não se rendem aos modismos anti-bíblicos e torcem o nariz para as disputas de poder dentro das estruturas eclesiásticas. Que motivação pode ser capaz de fazer alguém resistir diante de pressões deste tipo?
O apóstolo Paulo afirmou: “Já não vivo mais eu, mas Cristo vive em mim (Gálatas 2:20)”, concordando espiritualmente com a assertiva de Jesus: “Porquanto, quem quiser salvar a sua vida perdê-la-á; e quem perder a vida por minha causa achá-la-á. (Mateus 16:25). Quando vivemos exclusivamente para Cristo, quando nossa vida está tomada por um sentido de missão, de propósito, podemos vencer todas as perseguições, pois não estaremos mais nos importando tanto com nossa própria vida, mas entendendo-a como um mecanismo para que se cumpra um propósito. A missão precisa ser cumprida, não importa quantas afrontas sejam necessárias.
Está sendo perseguido? Sofre o alvo de mentiras invejosas contra você? Anime-se! Jesus disse que pessoas como você seriam consideradas ‘Bem-aventuradas’. Confie em Jesus e no propósito que Ele te concedeu, e você passará incólume por todas as afrontas e perseguições.
O Senhor Jesus te abençoe abundantemente.


Comentários

(SEJA BEM VINDO) Obrigado Pelo Comentário,
Pela suas visitas.
(Não se Esqueçam de Deixar o Link D Seus Sites ou Blogs, pois Sigo todos de Volta:)
Volte Sempre! Desde Já Agradeço ! Estou Atualizado Site Blogs Cada 2 Dias !!!

Anterior Proxima Página inicial
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...